Justa homenagem a Pinto Bastos

"Um muro de pedra deixa de o ser quando um homem olha e desenha nele uma catedral."

RDDRDD
Setembro 27, 2005 - 22:19
Outubro 1, 2022 - 22:20
 0
Justa homenagem a Pinto Bastos

No dia 1 de Outubro de 2005 pelas 19h, no Restaurante Nacional (sala do rés-do-chão), em Coimbra terá lugar um Jantar de Homenagem.
 
"Um muro de pedra deixa de o ser quando um homem olha e desenha nele uma catedral."
 
Pinto Bastos desenhou catedrais em todos os sítios por onde passou e em todos os muros que olhou. A sua marca indelével perdura em tudo aquilo que ajudou construir fiel a uma cidadania exemplar em que a ética da solidariedade esteve sempre presente.


A República do Direito é também obra sua desde o primeiro momento e, na galeria da sua vida figura, ao lado de acontecimentos tão importantes como a Casa do Juiz, a Colectânea de Jurisprudência, ou a Académica.
Magistrado exemplar foi modelo para sucessivas gerações de juízes que nele se reviam como paradigma. A sua cidadania militante e o reconhecimento da sua integridade e prestígio foram reconhecidos nas missões que desempenhou.
Acima de tudo lembra-nos o sorriso benevolente do Amigo de todas as ocasiões.
 
Pinto Bastos ficará sempre connosco.
Conselheiro José António Santos Cabral - Presidente da Assembleia Geral
 

RDD República do Direito, Associação Jurídica de Coimbra constituída nos inícios deste século, tendo entre os seus fundadores ilustres Professores de Direito, Magistrados Judiciais, Magistrados do Ministério Público, Advogados e outros cidadãos de reconhecido prestígio.